ERP em nuvem

Muitas vezes, o armazenamento, indexação, pesquisa e acesso de dados em uma empresa acaba por demandar recursos que poderiam ser mais bem empregados em tarefas que estivessem focadas efetivamente no core business do empreendimento. Nesse caso, o ERP em nuvem mostra-se uma estratégia inteligente para lidar com a tecnologia. Sem gastar mais do que se deve.

Conheça mais sobre esse tipo de serviço e veja como, longe de ser dispendioso, ele pode, na verdade, te ajudar a economizar:

Uma solução para os dados computadorizados

Os 56 kbps da conexão discada, única opção até meados dos anos 1990, deram lugar a conexões banda larga cada vez mais possantes. Hoje em dia, é comum encontrar em residências nas capitais brasileiras conexões de até 300 mbps.

Com a evolução da velocidade de conexão da internet no mundo inteiro, alternativas de armazenamento de dados na própria rede foram surgindo para suprir uma demanda por confiabilidade, segurança e rápido acesso. A partir daí, começaram a aparecer os diversos serviços de armazenamento em nuvem.

O serviço ERP em nuvem foi criado para ser uma alternativa mais barata e inteligente do que os sistemas convencionais . A partir dele, as empresas passaram a ter acesso a modelos de implantação mais ajustados a suas realidades, modelos unificados de sistema, de rápido acesso e baixo custo.

Acesso integral a seu sistema de dados

Como o ERP funciona a partir da rede, todos os sistemas de todos os departamentos da sua empresa poderão trabalhar integrados. O setor financeiro, de vendas, almoxarifado, marketing, entre outros, poderão acessar de forma unificada o sistema que encontra-se na web. Ou seja, na nuvem – a partir de qualquer dispositivo autorizado.

Dessa maneira, o uso da internet para acesso de dados e recursos da empresa vem tornando obsoletos os velhos sistemas fragmentados e dependentes de instalação, atualização e reinstalação de softwares, o que costuma tomar muito tempo e empenho de manutenção.

Mais segurança e qualidade

Com um repositório central de dados, acessível à empresa em qualquer lugar do globo, vinte e quatro horas por dia, otimiza-se o WorkFlow e promove-se uma melhora significativa na segurança. Isso porque a criptografia dos dados, bem como a manutenção dos sistemas de proteção contra fraudes, invasões e ameaças virtuais, passa a ser feita pela empresa especializada em tal atividade. Inclusive os backups, que são feitos automaticamente.

Economize com o cloud computing

Empresas de pequeno e médio porte costumam ter gastos bastante significativos com equipamentos de informática, tanto em software quanto em hardware. Há despesas com construção de salas refrigeradas para servidores, licenças de softwares diversos, manutenção em equipamentos com vida útil curta (como hard disks). Além de gastos com uma equipe de TI dedicada e trabalhando internamente.

Com um sistema de dados disponível em nuvem, o acesso torna-se facilitado e corta-se despesas com TI, visto que os provedores de boa qualidade proporcionam acesso estável e boa velocidade de navegação. Além disso, economiza-se também espaço nos discos rígidos dos computadores, visto que os dados serão armazenados online.

Outra vantagem é o fato de que o pagamento desse tipo de serviço costuma ser flexibilizado. De modo que a empresa escolhe a melhor opção de pagamento e de serviço, de acordo com as suas possibilidades. Existem pacotes que cobram por usuários conectados à rede. Dessa maneira, empresas menores poderão se beneficiar pagando um preço reduzido. Conforme a empresa cresce e necessita de mais ferramentas e espaço, é possível fazer upgrade de planos e contratar espaço adicional.

E você, sabia que poderia economizar com um ERP em nuvem? Já usa esse serviço na sua empresa? Conte para a gente nos comentários!

Posts Relacionados

Deixe um comentário