Vamos desvendar um dos maiores segredos para o sucesso da Logística no E-commerce, o processo de Picking e Packing. Essencial para todos os lojistas que trabalham com venda online e desejam alcançar excelência no setor.

Já imaginou conseguir evitar gastos desnecessários no estoque com produtos com pouca saída, ganhar agilidade na embalagem e ainda garantir a integridade do produto na entrega para o cliente? Esses são alguns fatores que fazem do Picking e Packing tão importantes para o dia a dia da Loja Virtual.

O Novo Comprador Digital

Com os avanços das vendas online, o perfil do comprador mudou. Segundo dados da ABComm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, o E-commerce cresceu 12% em 2017 e projeta crescimento de 15% durante este ano. Ou seja, mesmo em um mercado conturbado e país em crise, as vendas online continuam em grande crescente.

Mas, ao mesmo tempo, o perfil do cliente é muito mais exigente. Pois, estão cada vez mais informados e com fácil acesso a ferramentas de tecnologia.

Portanto, um atraso na entrega, quantidade errada, qualidade inferior ao oferecido e não entrega do produto, traz enormes prejuízos para as empresas.

E para acabar com esses problemas, traçar um planejamento estratégico para a Logística é tarefa fundamental, passando obrigatoriamente pelo Picking e Packing.

LEIA TAMBÉM: 5 dicas para um atendimento de qualidade no e-commerce!

Picking

O Picking é um dos principais processos da Logística, pois é o momento de separação e preparação dos pedidos de vendas, é aqui que acontece a coleta dos produtos no estoque em suas quantidades desejadas. Com o objetivo final de entregar perfeitamente ao cliente.

Para ter uma ideia, esse processo é responsável por aproximadamente 55% das despesas totais de funcionamento do armazém dos produtos, crucial para a Logística e para todo o processo de venda do E-commerce.

E não para por aí, como cada empresa necessita de um modelo específico. Já que são números de produtos distintos, etc. Foi desenvolvido métodos de organização diferentes de Picking:

  • Picking Discreto: Cada colaborador envolvido no processo executa a operação do início ao fim em um pedido de cada vez;
  • Picking por Zona: Aqui o processo de Picking é dividido por zonas, onde cada profissional envolvido atende apenas um tipo de SKU – Stock Keep Unit ou Unidade de Manutenção de Estoque;
  • Picking por Lote: Vários SKUs juntos formam um lote, nesse tipo de processo cada operador atende um lote com vários SKUs diferentes;
  • Picking por Onda: Cada Colaborador atende apenas um SKU, mas com um intervalo de tempo determinado, que evita o acúmulo na expedição.

Packing

O Packing é o processo seguinte do Picking e tão importante quanto, ou seja, merece toda atenção! Estamos falando do processo de empacotamento, acomodação dos produtos e embalagem.

Aqui é preciso se atentar com alguns pontos como: proposta de marketing antes do envio ao cliente, caixas, pacotes, etc. Embalagem apropriada, com os cuidados necessários para proteção do produto, formato ideal, tamanho, etc.

O Bling te ajuda

Com o auxílio do Bling, software de gestão online, a performance dos processos de Logística fica muito maior, facilitando os processos de Picking e Packing.

Você consegue:

  • Relatórios com os produtos com mais e menos saídas;
  • Assim pode traçar estratégias de promoções para alavancar a venda dos produtos que estão empacados no estoque;
  • Os produtos com mais saídas, é necessário colocar na frente dos demais, para assim aumentar a eficiência da equipe;
  • O Bling oferece integração com grandes empresas de Logística e serviços de transportadora, que facilita a entrega, rastreio e aumenta a satisfação do cliente.

DICAS EXTRAS

Para não errar na Logística é preciso acompanhar de perto o setor. Para te ajudar, separamos algumas dicas importantes para você medir se está tudo funcionando corretamente em cada um dos processos internos da operação:

 

  • OTIF: “On Time In Full” ou “Atendeu/Não Atendeu, mede a pontualidade do pedido (On Time) e a aderência do pedido, conforme o que foi pedido (In Full);
  • Tempo para separação do pedido: Quantidade de pedidos que um colaborador ou equipe é capaz de coletar por hora trabalhada;
  • Tempo de permanência na fila: Tempo médio que o pedido aguarda até ser despachado;
  • Taxa de ocupação dos separadores: O percentual de tempo médio que os separadores são solicitados;
  • Produtividade hora homem: Mede a capacidade x o que cada separador realizou, aqui pode ser em Kg, unidade, volume ou litros;
  • Custo da mão de obra: Gastos com a manutenção da equipe, treinamento, etc.

 

Como vimos no texto, o Picking e Packing são fundamentais para a Logística do E-commerce. Possibilitando maior desempenho e até o aumento das vendas da loja virtual. Ficou com alguma dúvida? Deixa pra gente nos comentários.

Aproveite para testar o Bling por 30 dias grátis e conhecer na prática as funcionalidades do ERP: https://goo.gl/Qe9fLD

Posts Relacionados

2 Comentários

  1. Willians Sales

    26/04/2018 at 07:55

    Usamos o Bling desde Janeiro de 2016.

    Tenho que dar parabéns para toda a equipe. Pois, o Bling é um sistema maravilhoso para nós que ainda somos pequenos e o melhor é o custo benefício, o empenho da equipe em tirar nossas dúvidas, em nos ajudar. Que Deus abençoe a todos vocês.

    A única coisa que gostaríamos que tivesse é que o Bling fizesse o acompanhamento dos rastreamentos e abrisse reclamação direta nos correios (para sermos indenizados). E o Bling ganhasse 30% de nossa indenização (igual as empresas que já fazer isso). Assim, o sistema seria completo e o melhor o Bling arrecadaria muito…

    1. Bling

      Bling

      26/04/2018 at 08:10

      Oi Willians, agradecemos o comentário! Pode contar com o Bling 😉

Deixe um comentário