Recolher tributos, gerir funcionários, controlar o fluxo de caixa. Empreender é tarefa difícil que exige dedicação e paciência. Mesmo administradores experientes encontram dificuldades e cometem erros que podem ser facilmente evitados com um pouco mais de atenção.

Ficou curioso? Conheça agora 7 dos maiores erros de empreendedores e saiba como evitá-los no cotidiano da sua empresa!

1. Não ter um plano de negócios

É comum ver empreendedores, especialmente iniciantes, partirem logo para a ação sem planejar direito sua inserção no mercado de trabalho. Porém, este é um dos maiores erros que os profissionais podem cometer!

A falta de estruturação faz com que o empresário se desespere ao menor sinal de problemas, gerando uma cadeia de falhas na condução dos negócios. Não traçar um plano de ação torna toda a atuação desordenada. Comece com o pé direito: estipule metas e prazos para cumpri-las!

2. Não se capacitar

De nada adianta ter experiência e não estar atualizado com a realidade da atividade que desempenhará. Conheça o ramo em que está adentrando e aplique técnicas de administração voltadas para os princípios do negócio, a fim de otimizar tempo e evitar prejuízos.

Sempre que possível, ofereça cursos de capacitação também para seus colaboradores, afinal, eles são seu apoio na construção de uma jornada de sucesso.

Bons empresários mantêm bom relacionamento com os parceiros

3. Não ter um bom relacionamento com fornecedores

Ter abertura para negociar com fornecedores é certeza de economia. Para tanto, mantenha com eles um relacionamento equilibrado, visando promover o respeito e a abertura para o diálogo.

Assim, poderá obter descontos ou parcelamentos mais vantajosos, mantendo sempre o fluxo de caixa constante. Sem descapitalização, seu lucro pode ser reinvestido na atividade e permitir a entrada de ainda mais capital.

4. Negligenciar as tecnologias

Não dá para negar que vivemos em uma era que exige a familiaridade com novas tecnologias. Elas são aliadas de todo negócio que pretenda ser rentável na implementação de uma gestão eficaz.

Portanto, busque sempre se atualizar com o que há de novo do mercado. Implante um sistema ERP acessível, de preferência com a opção de nuvem, para assegurar segurança à gestão empresarial. Opte por ferramentas que otimizem o tempo gasto com o desempenho de funções.

Cumpra os prazos

5. Não cumprir prazos

O empreendedor que não é pontual é tido como desleixado e descompromissado. É imprescindível que a parte operacional do negócio esteja plenamente controlada a todo o tempo.

Não cumprir prazos pode significar ter que lidar com prejuízos que seriam facilmente evitados, desde o pagamento de terceiros, como fornecedores, até com grandes somas na justiça do trabalho. Organize-se e preze pela pontualidade.

6. Desconsiderar concorrentes

O planejamento do negócio deve considerar como oferecer serviços diferenciados daqueles já existentes no mercado. O empreendedor de sucesso deve identificar as falhas de seu concorrente e, além de corrigi-las, melhorá-las.

Mesmo que não haja concorrentes no ramo, saiba como os clientes em potencial gastam seu dinheiro e por que estariam dispostos a adquirir o produto que você oferece.

Fique atento à concorrência

7. Não saber ouvir críticas

Seja de parceiros, seja de clientes, toda crítica construtiva deve ser ouvida. É a partir dela que você pode identificar falhas e aprimorar o seu negócio. Ouça opiniões diversas e considere novas oportunidades de ação.

E agora, já se sente pronto pra não cometer nenhum dos erros de empreendedores no seu negócio ou ainda tem alguma dúvida? Deixe o seu comentário!