Clientes Bling agora também podem contar com integração SAT HD Softwares. Um software simples para emissão de cupons fiscais (CFe) que integra a plataforma da HD Softwares e Bling através da API e de uma gestão de requisições, além de chamadas para Pedidos e Frente de Caixa. Também é emissor de cupons fiscais eletrônicos atendendo os requisitos de tratamento em relação aos documento fiscais XML gerado pelo equipamento. 

Com esta extensão mais o agente instalado da HD Software você pode imprimir um Cupom para seu SAT direto da Frente de Caixa e Lista de Pedidos de Venda do Bling. Confira nosso manual de integração.

O que é o SAT?

O SAT Fiscal (Sistema Autenticador e Transmissor – Cupom Fiscal Eletrônico) é um equipamento que autentica, por meio de um certificado próprio o Cupom Fiscal Eletrônico e transmite as informações automaticamente à Secretaria da Fazenda (SEFAZ) via internet.

Projetado pela SEFAZ do Estado de São Paulo, o SAT é um tipo de Sistema Autenticador e Transmissor que gera o Cupom Fiscal Eletrônico que tem como finalidade documentar eletronicamente todas as operações comerciais realizadas em um estabelecimento. O dispositivo foi criado para substituir o ECF, equipamento automatizado, muito semelhante a uma impressora comum, que emite cupons fiscais e outros tantos documentos fiscais.

Quais os requisitos para utilizar o sistema?

  • Processador Intel/AMD 1.5 Ghz ou superior
  • 2 GB Memória Ram ou  Superior
  • Windows 7 ou Superior
  • 3 Portas USB
  • 100 MB de disco disponível 
  • Navegador Chrome
  • Resolução Mínima de 1024 X 768
  • Conexão com a Internet preferência Banda Larga
  • Equipamento SAT homologado (Dimep, Daruma, Gertec, Epson, Elgin, Bematech, Sweda, Tanca e etc.)
  • Impressora Não Fiscal (Epson, Elgin, Daruma, Sweda, Bematech e etc)

Como funciona o SAT 

Quando uma venda for concluída em um Ponto de Venda, o SAT irá fazer uma conexão com a Secretaria da Fazenda para solicitar a validação dos dados do Cupom Fiscal. A Secretaria da Fazenda devolve o Cupom Fiscal impresso já com a validação e pronto!

Todo esse processo é muito parecido com a Nota Fiscal Eletrônica utilizada atualmente, mas é obrigatório em algumas cidades brasileiras. A obrigatoriedade do SAT fiscal em São Paulo entrou em vigor em 2015 e as primeiras empresas a se enquadrarem foram: 

  • Postos de combustíveis que estejam classificados no CNAE 4731-8/00;
  • A partir da data de 01/01/2016, todos os contribuintes que auferirem receita bruta maior ou igual a R$100.000,00 ao ano de 2015;
  • A partir da data de 01/01/2017, todos os contribuintes que auferirem receita bruta maior ou igual a R$80.000,00 no ano de 2016.
  • A partir da data de 01/01/2018, para os contribuintes que auferirem receita bruta superior a R$60.000,00 no ano de 2017.

Veja como funciona a integração do sistema SAT com o Bling, maior facilidade no seu dia a dia:

Quais as vantagens de utilizar o SAT?

Dentre as vantagens que o SAT pode trazer tanto para a empresa como para o consumidor podemos destacar:

  • Simplificação e redução dos custos com obrigações acessórias;
  • Facilidade para o cumprimento de obrigações acessórias;
  • Facilitar o acompanhamento por parte dos consumidores por meio da redução do prazo de registro.

SAT e a utilização do ECF

É importante ressaltar que o SAT foi projetado para a substituição do ECF, ou seja, irá passar a emitir o Cupom Fiscal Eletrônico. Essa substituição irá ocorrer quando o ECF completar cinco anos da data da primeira lacração que está indicada no Atestado de Intervenção.

SAT ou NFC-e?

O SAT é composto de hardware e software embarcado, que como mencionado acima, é responsável pela autorização do Cupom Fiscal Eletrônico. Mas, como esse modelo necessita de um hardware homologado para poder operar, acaba por inviabilizar a operacionalização do sistema. Diante disso, os estados do Acre, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Sergipe, Rio Grande do Norte e o Rio Grande do Sul, iniciaram o projeto da Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica, o NFC-e, que conta com os mesmos objetivos do SAT, mas não há necessidade do uso de hardware homologado para que possa operar. Assim, mais estados adquiriram a NFC-e.

O que é CF-e SAT?

SAT ou CF-e SAT é uma sigla para Sistema Autenticador e Transmissor de Cupons Fiscais Eletrônicos. Operando no Brasil desde novembro de 2014, ele permite a documentação de forma eletrônica de todas as operações e arquivos do varejista no seu estado de origem. A ideia por trás desse mecanismo é substituir a necessidade das ECFs, simplificando as operações. 

Além disso, ele dispensa a necessidade de conexão ininterrupta com a internet, uma vez que a transmissão das informações à Secretaria da Fazenda pode ser feita de forma periódica. Mais barato, um único aparelho, por exemplo, pode atender várias lojas.

O que é ECF?

O termo também pode ser referir a Escrituração Contábil Fiscal, mas nesse caso aqui falamos do sistema Emissor de Cupom Fiscal (ECF). É ele que, ligado a uma impressora e por meio de um certificado digital próprio, que valida os cupons fiscais impressos. Por ser considerado uma opção de baixa segurança fiscal, é por essa razão que a modalidade NFC-e vem ocupando o seu espaço, dispensando a obrigatoriedade de os empresários terem uma impressora específica. 

O que é a NFC-e?

Trata-se da Nota Fiscal ao Consumidor eletrônica, que substitui a nota fiscal de venda ao consumidor modelo 2 e o cupom fiscal emitido pelo Emissor de Cupom Fiscal (ECF). Essa modalidade surgiu como parte do SPED fiscal, sistema que visa informatizar e agilizar todas as transações entre empresas e consumidores e entre empresas e a Receita Federal.

A NFC-e elimina a necessidade da nota fiscal de venda ao consumidor, modelo 2, e o cupom fiscal. A principal vantagem disso é que o com o DANFE impresso o documento pode ser emitido por impressoras comuns, dispensando assim a necessidade de equipamentos certificados. 

Integração SAT e Bling 

O software tem como base utilizar os pedidos de venda efetuados no Bling e emitir cupom fiscal eletrônico. Sendo assim é uma integração, ele tem por objetivo comunicar o sistema Bling com o SAT Fiscal, atendendo a solicitação de obrigatoriedade fiscal. 

A integração permite fazer a emissão Cupom Fiscal com a SEFAZ/SP em contingência – com o SAT ativo diretamente no Bling. 

O Bling disponibiliza a emissão de Notas Fiscais de Consumidor Eletrônica (NFC-e) que é a nota que substitui o Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e). Para o estado de São Paulo, a NFC-e pode ser emitida normalmente no lugar do Cupom Fiscal.

Exceto quando o sistema da Secretaria da Fazenda estiver fora do ar (em contingência), nesse caso é necessário emitir o Cupom Fiscal via SAT, que pode ser feito diretamente com o Bling cadastrado como Software House.

Com a integração do Bling e HD SAT é possível: 

  • Gerar documento fiscal pelo SAT
  • Utilizar o PDV Bling para gerar SAT
  • Facilidade de ter tudo em um mesmo sistema;

O Bling é um sistema de gestão online que consegue emitir os principais modelos de documentos de maneira prática e eficiente, aliando segurança e praticidade. 

Mais do que isso, é possível integrar essa função com outras áreas da empresa, facilitando a emissão de notas fiscais. Se ainda não é cliente Bling, faça um teste grátis por 30 dias e confira na prática os benefícios e as facilidades que um sistema de gestão ERP online, descomplicado e eficiente pode fazer pelo seu negócio.