implantação do QR Code

Uma pessoa desavisada e pouco acostumada com as novas tecnologias poderia julgar que aqueles símbolos estranhos (QR Code) que agora aparecem para todo lado são obra de civilizações alienígenas. Tem muita gente, inclusive, tirando fotos deles com o celular! Claro, não é nada disso.

Com ares de tecnologia avançada de codificação, o QR Code é nada mais que a mais nova tendência de interação com usuários de gadgets e outros aparelhos. Que vêm revolucionando a maneira de trocar informações entre pessoas e organizações.

Considerado um tipo de evolução dos códigos de barras tradicionais, o QR Code é um tipo de codificação similar. Mas que comporta muito mais dados. Por meio dele, é possível armazenar 7.089 caracteres de texto numérico, 4.296 caracteres alfanuméricos, 2.953 caracteres binários e 1.817 caracteres de kanji (um dos sistemas de escrita do japonês).

Apesar de ter sido criado há mais de 20 anos pela empresa japonesa Denso-Wave. Foi somente a partir de 2003 que o QR Code passou a ser utilizado em grande escala. Para fornecer dados a aparelhos celulares e smartphones por meio da câmera fotográfica dos equipamentos.

Hoje, além de ser bastante utilizado em serviços de utilidade pública, como museus e paradas de ônibus e metrô, o QR Code é uma ferramenta importante de várias estratégias de marketing. Podendo ser usado inclusive em e-commerce. Quer saber como? Confira:

Captar prospects e e-mails

A aparência do QR Code é, no mínimo, inusitada, e sempre desperta interesse das pessoas. Especialmente daquelas que conhecem o potencial da ferramenta e sabem que ali cabe muito conteúdo.

Esses curiosos sempre vão querer saber do que se trata qualquer QR Code que virem pela frente. Então espalhar códigos em materiais impressos com conteúdo especial para prospects é uma ótima ideia. Melhor ainda se, ao tentar acessar o conteúdo, for solicitado o e-mail do cliente!

Promoções offline

Uma prática bastante utilizada em e-commerce é oferecer vantagens aos clientes depois que eles efetuam compras, geralmente na forma de bônus para as próximas transações.

Assim, aliar essa estratégia ao uso do QR Code pode ser um grande sucesso se o usuário receber o produto em casa e, junto, um código para acessar uma promoção exclusiva. Por meio de uma Landing Page.

Dicas e informações extras sobre produtos

Jamais se canse de surpreender o cliente! Uma das estratégias mais criativas para o uso de QR Code é enviar, junto ao pedido, um código por meio do qual o consumidor tem acesso a várias informações extras e dicas sobre o produto que ele acaba de comprar.

Cross-selling

O cross-selling é uma prática muito utilizada em e-commerce, e pode ser potencializada com o uso do QR Code. Basta enviar junto ao produto um código com acesso a descontos exclusivos para produtos similares e que complementam aquele comprado pelo cliente.

A sensação de urgência e oportunidade imperdível fará com que o consumidor não pense duas vezes antes de fechar negócio novamente com a sua loja.

Notas Fiscais Eletrônicas para o consumidor (NFCe)

A NFCe (Nota Fiscal de Consumidor eletrônica), que substitui o cupom fiscal, e em alguns estados já está sendo utilizada, principalmente por conta de sua agilidade, facilidade e comprometimento com o meio ambiente (já que não usa papel), já útiliza a tecnologia de QR Code.

Etiquetas de postagem para os Correios

Outra funcionalidade bem prática para o QR Code aplicada ao seu e-commerce é a utilização desse tipo de código em etiquetas de postagem de pacotes para os Correios. Alguns softwares de gestão, como o Bling, permitem a criação de etiquetas específicas e personalizadas, para clientes, produtos e notas fiscais com a inserção de QR Code.

E você, sabia do que se tratava o QR Code e de todas as suas possibilidades? Se já conhece, utiliza alguma estratégia eficiente que faça uso dessa ferramenta? Comente e aproveite para conferir como você pode trabalhar com o QR Code com a ajuda do Bling!