Entre os processos que o empreendedor online deve fazer, emitir nota fiscal é um importante passo para garantir a satisfação do cliente e poder vender nos principais marketplaces do mercado. Com o Bling, emitir notas fiscais se torna um processo fácil e descomplicado, pois através do sistema de gestão que permite emitir diversos modelos de notas fiscais eletrônicas. 

Neste guia vamos mostrar um passo a passo como começar a emitir NF-e através do Bling!.

Veja o que é preciso para começar a emitir nota fiscal no Bling

É possível automatizar a emissão de notas fiscais através do ERP online, que unifica o processo e garante eficiência para a empresa e também para o cliente. Com isso, é é possível ganhar tempo e energia para focar em outras operações que o negócio exige. 

Com a digitalização das Notas Fiscais, o processo ficou mais rápido e prático do que o formato de cupom fiscal. Após ter um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), para que possa expedir nota fiscal quando for vender no e-commerce o empreendedor deve seguir os seguintes passos:

1) Você já tem seu cadastro no Sefaz?

Cadastre-se na SEFAZ do seu estado – tendo em mãos o Certificado Digital – e instale o software correspondente à emissão de nota. Este processo também pode ser feito através do Bling, o que facilita os procedimentos pois integra as informações dos setores da empresa e já envia a nota para o cliente. 

É importante estar cadastrado e regularizado no Sefaz antes de emitir notas fiscais no Bling, tanto se for MEI ou PME. 

O cadastro é feito no site da Sefaz do seu Estado e é uma oportunidade para empreendedores MEI

2) Agora, que você já fez seu cadastro, é necessário adquirir o seu certificado digital

O certificado digital funciona como uma assinatura digital para pessoas físicas e jurídicas. Com essa autenticação é possível para as empresas realizarem uma série de transações fiscais obrigatórias, como por exemplo garantir a veracidade de documentos como a Nota Fiscal Eletrônica de uma forma muito mais prática e muitas outras atividades. 

Mesmo que com o e-CNPJ o empreendedor consiga fazer a emissão de notas fiscais, esse certificado é adequado para as pessoas que possuem funcionários, para que eles possam fazer a emissão de notas sem a preocupação de utilizarem o Certificado Digital para tarefas ilegais ou sem autorização.

O Bling! oferece o Certificado Digital em parceria com a Certisign, para simplificar e agilizar as tarefas da sua empresa. Com ele, é possível emitir os principais modelos de notas fiscais eletrônicas com todos os impostos calculados e transmissão XML, usando tanto o certificado digital A1 quando o modelo A3 no seu negócio. 

Veja como instalar o certificado digital no Bling!

Os certificados A1 e A3 são dois modelos do Certificado Digital. As duas variações atendem as funcionalidades da certificação, o que muda é o local de armazenamento dos dados. 

Como instalar o Certificado A1?

O Certificado Digital A1 é armazenado diretamente no computador. Ele funciona por meio de um par de chaves criptografadas, uma pública e outra privada. A pública é enviada para a Autoridade Certificadora (AC), já a privada fica no computador protegida por um login. Validade de 1 ano. Confira o passo a passo para a instalação. 

Como instalar o Certificado A3?

Diferente do modelo A1, o Certificado A3 conta com uma mídia de armazenamento predeterminada, ou seja, um dispositivo, que pode ser um cartão ou um token. Dessa forma, é possível utilizar o certificado em qualquer computador e em diversas tarefas tributárias que exigem a assinatura da empresa. Esse modelo possui validade de um a cinco anos, dependendo do local de armazenamento. Confira o passo a passo para a instalação. 

Agora sim! Veja como é fácil emitir a nota fiscal no Bling!

Após a configuração do Certificado Digital é possível iniciar a emissão de notas fiscais através do Bling. Existem dois modelos básicos para a emissão de notas, individual e em lote.

Para realizar a emissão de uma nota de forma individual, basta clicar no menu à frente da nota e selecionar a opção “Enviar Nota Fiscal”. Já na emissão em lote, selecione as notas a serem enviadas e clique na opção ‘Enviar Notas Selecionadas’, presente à direita da tela.

 Independente da forma de envio selecionada, as seguintes caixas de seleção serão apresentadas:

1- Enviar nota fiscal por e-mail: Selecione esta opção para enviar o arquivo XML, juntamente com a DANFE em .PDF para o e-mail do seu cliente, no momento da emissão.

2- Lançar estoque: Selecione esta opção para realizar um lançamento de estoque dos produtos que estão na nota, baixando seu estoque.

3- Lançar contas: Selecione esta opção para realizar os lançamentos de contas, conforme as parcelas definidas anteriormente no campo Pagamento.

Para finalizar, clique em ‘Enviar Nota Fiscal’ e ela será enviada automaticamente ao site da Secretaria da Fazenda para autorização. Após o envio da nota, se tudo estiver preenchido corretamente, ela será Autorizada e já terá valor fiscal.

Confira também as principais dúvidas!

Quais são os tipos de notas fiscais que o Bling emite?

Com o Bling, você pode emitir para mais de 600 cidades do país os três principais tipos de notas fiscais: a nota Fiscal Eletrônica (NFe), a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFSe) e a Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFCe).

A partir de qual plano do Bling é possível começar a emitir nota fiscal?

A partir do Plano Cobalto do Bling é possível emitir todas os tipos de Notas fiscais. 

Como cadastrar uma natureza da operação?

Para a criação de regras de tributação específicas para os os diferentes modelos de notas fiscais, as Naturezas de Operação são importantes. Assim, é possível parametrizar as tributações, permitindo que o sistema realize o cálculo automático de impostos nas NFes. Confira o passo a passo

Conclusão

Utilizar um sistema de gestão como o Bling para as suas operações diárias, é importante para que o trabalho fique descomplicado. Quando o empreendedor passa a automatizar os processos burocráticos e repetitivos, além de manter o negócio sempre organizado, também unifica os processos e mantém seu negócio em dia com a Receita Federal.