Se você está pensando em abrir um novo negócio, a hora é agora! De acordo com a pesquisa realizada em 2021 pela SEBRAE, só no primeiro semestre do último ano foram abertos 2 milhões de pequenos negócios. Então, para te guiar nesse processo, separamos uma dica de comércio de bebidas que vem ganhando grande destaque nos últimos anos.

O MEI (Microempreendedores individuais) foi o campeão de aberturas, e sabe qual o setor que ficou em 1º lugar nessa área? Isso mesmo, o comércio de bebidas que no primeiro semestre de 2021 obteve um crescimento de 84% comparado ao mesmo período de 2020.

Ou seja, a expansão de distribuidoras de bebidas é notória e o crescimento do comércio digital é um dos fatores responsáveis por esse aumento. Afinal, a tecnologia é a nossa atual realidade.

E para você que já abriu sua empresa no ramo de bebidas pode ficar contente. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, a ABComm, o setor de bebidas junto com o alimentício foram os que mais mantiveram estabilidade.

O Bling sabe que não é fácil abrir um comércio e que administrar uma empresa é mais difícil ainda. Por isso, caro empreendedor separamos um passo a passo para te ensinar a abrir e/ou administrar a sua empresa de comércio de bebidas.

Saiba o que é preciso para abrir um comércio de bebidas

Antes de tudo, quando você tomar essa decisão será preciso pensar em algumas etapas como a localização, infraestrutura e gestão do seu negócio. 

Sendo assim, para te orientar nesse processo, separamos dicas para você não errar na hora de abrir o seu negócio.

Localização e Estrutura

Existem alguns fatores que você precisará analisar quando for escolher o local, como por exemplo a estrutura física. De acordo com um estudo realizado pela SEBRAE, alguns especialistas aconselham que o seu espaço tenha no mínimo 50m².  

Afinal a ideia é que o seu estabelecimento consiga abrigar um estoque, um espaço de carga e descarga de mercadorias. E fora outras áreas como a administração, banheiros e a própria parte onde acontecerão as vendas.

Também será preciso considerar a localização do seu bar ou distribuidora. O consumidor de bebidas alcoólicas ou não alcoólicas é bem abrangente. E será necessário um estudo aprofundado do público para saber informações como o poder aquisitivo, a faixa etária, os hábitos alimentares e preferências por bebidas. Assim como a os produtos oferecidos na mesma região e etc. 

Documentações para abrir um comércio de bebidas

Como abrir um comércio vai muito além de achar um local e levantar as portas, existem documentações essenciais para que o seu empreendimento funcione corretamente.

Para dar início a jornada empreendedora no comércio varejista de bebidas é preciso obter o registro de forma individual ou em um dos enquadramentos jurídicos de sociedade. 

Para a abertura do registro o comerciante precisará realizar alguns procedimentos como:

  • Registro na Junta Comercial;
  • Adquirir o Registro na Secretaria da Receita Federal (CNPJ);
  • Solicitar o registro na prefeitura municipal, para obter o alvará de funcionamento;
  • Cadastramento junto à Caixa Econômica Federal no sistema “Conectividade Social – INSS/FGTS”;
  • Registro no Corpo de Bombeiros Militar: órgão que verifica se a empresa atende as exigências mínimas de segurança e de proteção contra incêndio, para que seja concedido o “Habite-se” pela prefeitura.

Vale ressaltar que a consulta prévia de endereço na Prefeitura Municipal / Administração Regional, sobre a Lei de Zoneamento é mais uma etapa durante o seu processo de abertura.

Capital de giro

O capital de giro é o recurso financeiro que protegerá a empresa caso ocorra possíveis oscilações no seu caixa.

Segundo a SEBRAE, é necessário que a empresa tenha um capital de giro entre 20% a 30% do valor total do investimento da operação.

Ou seja, se o investimento é de R$ 60 mil é desejável que ter de R$ 12 a R$ 18 mil de reserva para que o negócio possa fluir sem medo. 

Equipamentos e Recursos

Outra dica importante para começar o seu bar ou distribuidora de bebidas é referente alguns equipamentos e sistemas essenciais como:

  • Balcões e prateleiras.
  • Freezer e geladeiras.
  • Tvs, computadores e claro, internet (wifi)
  • Impressora fiscal para emissão de Notas Fiscais.
  • Um sistema empresarial para controle de estoque, vendas, entrada, saída e giro do produto, cadastro de clientes, faturamento e outros;

Muitos outros equipamentos serão necessários dependendo do seu empreendimento, seus produtos e suas vendas. 

Automação

Um ponto que vale a sua atenção é na hora de gerenciar a sua empresa. Pois sabemos o quanto pode ser difícil e burocrático lidar com vendas, estoque e diversos detalhes financeiros. Por isso aconselhamos que você invista em softwares para automatizar a sua gestão.

Existem atualmente no mercado diversos sistemas erps que te ajudam a controlar o estoque, caixa (vendas), cadastro de cliente, faturamento e muito mais, integrando todas as informações em um só lugar e deixando o seu serviço mais rápido, fácil e sem burocracias.

Saiba como aumentar as vendas no seu comércio de bebidas

Quando o assunto é bebida, o Brasil não fica para trás. O país é o quarto que mais consome cerveja no mundo e o terceiro em relação aos refrigerantes. O mercado por aqui possui ótimas oportunidades e cabe a você empreendedor abraçá-las.

Para que o seu negócio não fique para trás é importante ter em mente três pontos que irão te ajudar a aumentar as vendas.

O primeiro deles é ter um diferencial. Parece bobagem, mas quando você decide abrir um negócio além de estudar e avaliar o mercado e concorrentes, é preciso se diferenciar deles.  Agregar valor e características únicas ao seu produto e serviço fará com que o consumidor reconheça o seu potencial e torne-se um cliente fiel.

O segundo passo é divulgar o seu negócio, marketing e vendas andam juntos. Por isso ter um bom planejamento de marketing fará com que as pessoas saibam do seu negócio e comecem a comprar com você. Aposte nas velhas e boas promoções para atrair o consumidor para dentro do seu negócio.

E por último, não subestime o poder da internet! No atual cenário em que vivemos, estar presente no meio digital é fundamental para a sobrevivência do seu negócio. 

Hoje quando uma pessoa buscar comprar algo, é muito comum ela pesquise no Google. Dessa forma, é essencial entender como vender pela internet. Use o poder do comércio online para aumentar as suas vendas. 

Agora que você conferiu algumas dicas para o seu comércio de bebidas, já pode colocar em prática o seu empreendimento de sucesso.