O e-commerce está em constante evolução. E o atendimento ao cliente é um fator que deve ser acompanhado constantemente. Por isso, os gestores de loja virtual precisam estar atentos às tendências do setor e buscar métodos e tecnologias que tornem o atendimento ao cliente mais fluido e, sempre que possível, menos formal.

Precisa de uma ajuda? Então confira algumas tendências para você atender os clientes do seu e-commerce com mais êxito.

Estude o comportamento do cliente

O comportamento dos clientes virtuais não é o mesmo de 10 anos atrás. Assim como a estrutura de negócios on e off-line vem mudando, o perfil de quem compra também se diferencia.

Para um atendimento mais completo, a dica é unir métodos que te auxiliam a traçar um panorama de comportamento dos usuários.

Há, no mercado, ferramentas especializadas na análise de comportamento, apontando o tempo em que o visitante fica parado na página de um produto, itens visitados na sequência e interesses em comum, por exemplo. Como vantagem, você consegue saber o que ele procura e ser assertivo em suas abordagens, inclusive de remarketing.

Assim, você consegue melhorar a experiência de compra do seu cliente e oferecer preços mais competitivos, até mesmo com ofertas/campanhas segmentadas. Estratégias aplicadas em redes sociais ou mobile, combinadas com ações de geolocalização, são uma opção para se integrar as abordagens de atendimento e vendas.

Invista no mobile commerce

O crescimento do mobile commerce é um fato. A cada ano, mais pessoas têm smartphone e utilizam o aparelho para comprar e vender pela internet. Um relatório emitido pela IDC Brasil aponta que foram vendidos 10,3 milhões de aparelhos celulares no primeiro trimestre de 2016, comprovando a onipresença desse tipo de tecnologia entre a população nacional.

Nesse sentido, ofereça opções como “comprar com um clique”, que simplificam o ato de comprar e estimulam o usuário a finalizar a transação com mais agilidade.

O consumidor está mais exigente

A exigência dos clientes influencia diretamente em como as empresas dirigem seus negócios. Os consumidores estão ganhando cada vez mais poder no mercado, com autonomia para pesquisar preços e escolher as condições de pagamento que melhor atendam às suas necessidades.

Muitas pessoas vão às lojas físicas para consultar preços e características como dimensões, mas escolhem adquirir em lojas virtuais.

Outro fator relevante é que as redes sociais funcionam como um “boca a boca”, no qual os usuários compartilham opiniões e dúvidas sobre diversos produtos e empreendimentos. Por isso, se você deseja se manter firme no e-commerce e próximo dos seus clientes, trace estratégias não apenas voltadas às necessidades dos consumidores como também que promovam aproximação com o público-alvo.

A tecnologia é sua aliada

O e-commerce vem crescendo exponencialmente nos últimos anos, com grande variedade de segmentos. Algumas tendências que vêm ganhando espaço entre os empresários do mercado virtual são: chatbot (usado para tirar dúvidas e como estratégia de venda); automação de marketing e atendimento; autoatendimento; e, como ressaltamos em outro tópico, o formato mobile (site e aplicativo).

Você também pode contar com a tecnologia para rastrear e monitorar os resultados de campanhas, identificando canais de maior conversão.

Atendimento multicanal e integração com plataformas de anúncios são outros recursos que auxiliam a expandir sua visibilidade no meio digital.

E um bom ERP online é a chave para gerir o negócio com organização, agilidade e economia. Escolha um software que permita integração com diversas plataformas de loja virtual e marketplaces, além de empresas de logística, assim você consegue atuar de modo mais plural no e-commerce.

Agora você sabe que o atendimento ao cliente merece atenção especial no e-commerce. Lembre-se de humanizar suas abordagens e conhecer melhor o público ao qual se direciona.

Leia também
– A importância de um ERP integrado para o e-commerce
– Marketplace: importância para micro e pequena empresa
– O que é DANFe e para que serve esse documento?

 

atendimento ao cliente no e-commerce

 

Posts Relacionados

Deixe um comentário